Matrícula ou Email: Senha: Esqueci a senha 




Índice
Lesões corporais
Físicos
Eletricidade
Eletricidade Artificial
Efeitos fisiológicos da eletricidade artificial  

 
 
   
 
Zonas Limites Efeitos Fisiológicos
AC-1 Até 0,5 mA - curva a Percepção possível, mas geralmente não causa reação.
AC-2 0,5mA até curva b Provável percepção e contrações musculares involuntárias, porem sem causar efeitos fisiológicos.
AC-3 A partir da curva b para cima Fortes contrações musculares involuntárias, dificuldade respiratória e disfunções cardíacas reversíveis. Podem ocorrem imobilizaçòes e os efeitos aumentam com o crescimento da corrente elétrica. Normalmente os efeitos prejudiciais podem ser revertidos.
AC4 Acima da curva c1 Efeitos patológicos graves podem ocorrer, inclusive paradas cardíacas, paradas respiratórias e queimaduras ou outros danos celulares. A probabilidade de fibrilação ventricular aumenta com a intensidade da corrente e do tempo.
  c1 - c2 AC-4.1 Probabilidade de fibrilação ventricular aumentada até aproximadamente 5%.
  c2-c3 AC-4.2 Probabilidade de fibrilação ventricular de aproximadamente 50%.
  Além da curva c3 AC-4.3 Probabilidade de fibrilação acima de 50%.



Webmaster
Malthus

Este site está sendo monitorado, como parte dos Trabalhos do Professor
Malthus Fonseca Galvão
Todas as ações implementadas neste site ficam gravadas em um banco de dados
com finalidade de pesquisas e melhorias do sistema.

©Os direitos autorais deste Sítio são protegidos pela Lei 9610 de 19/02/1998. Todos os programas de computador, métodos e bancos de dados utilizados neste Sítio foram desenvolvidos pelo Prof. Malthus Galvão. O conteúdo é propriedade dos respectivos autores. Toda violação destes direitos de propriedade estará sujeita às penalidades prescritas em lei.
Este sítio está em constante remodelação e pode conter erros!!!